Como Ser um Usuário de Cuidados de Saúde Bem Informado

Atualizado: 4 de fev.

Reservar um tempo para se tornar um usuário de saúde bem informado é uma questão de autoproteção. Os benefícios de ser um usuário ativo de cuidados de saúde incluem melhor saúde, cuidados de saúde mais eficazes e custos de saúde mais baixos. Requer tempo e paciência, mas a paz de espírito vale a pena. Aqui estão algumas dicas para obter o melhor valor pelo seu dinheiro gasto com saúde.

Aprenda como trabalhar com seu plano de saúde. Quanto mais você souber sobre seu plano de saúde, melhor poderá usá-lo a seu favor. Tenha certeza de:

1. Conheça seus benefícios. Descubra quais serviços são cobertos. Conheça os limites, exclusões ou máximos do seu plano. Escolha um nível de cobertura que atenda, mas não vá além de suas necessidades.

2. Compreenda suas obrigações financeiras. Os planos de saúde geralmente pedem que você pague uma parte dos custos dos benefícios. Eles vêm na forma de franquias, copagamentos ou taxas fixas. Use os benefícios com sabedoria para economizar em custos diretos.

3. Saiba como acessar seus benefícios. Siga as regras do seu plano para encaminhamentos a especialistas, hospitalização, cirurgia ou uso de um provedor fora da rede.

4. Aprenda como obter ajuda. Saiba para quem ligar para saber sobre os benefícios, fazer perguntas sobre faturamento, resolver uma disputa e obter uma referência.

5. Use serviços de autocuidado. Antes de planejar uma visita ao consultório, verifique se o seu plano possui uma linha de atendimento de enfermagem ou serviço semelhante.

Trabalhe melhor com seu médico. Seu médico é o seu principal defensor dentro do sistema de saúde. Você deve:

1. Descubra como usar os serviços. Você pode fazer perguntas ao seu provedor de serviços de saúde por telefone ou precisa marcar uma consulta? Você pode obter uma receita pelo telefone?

2. Prepare-se para uma visita ao consultório. Certifique-se de que seu médico tenha todas as informações necessárias para fazer um diagnóstico. Isso inclui seus registros médicos, histórico médico familiar e uma lista dos medicamentos que você toma. Traga uma lista de perguntas e assuntos sobre os quais deseja falar.

3. Eduque-se. Tornar-se um usuário de cuidados de saúde informado pode ajudar a garantir que você receba cuidados de saúde seguros e de qualidade. Para fazer isso, aprenda mais sobre quaisquer condições e tratamentos que você obtém pedindo ao seu provedor de serviços de saúde informações para os pacientes. Pesquise sites de Internet de boa reputação, como grandes hospitais ou organizações de saúde ou sites do governo. Converse com seu médico sobre o que você encontrar.

4. Siga em frente. Quando você se compromete com um plano de tratamento, tome os medicamentos prescritos. Certifique-se de seguir todas as etapas de gerenciamento e prevenção de doenças.


Aproveite ao máximo os compromissos. Uma visita ao escritório também é uma oportunidade. Aproveite ao máximo:

1. Começando com uma comunicação aberta. Não presuma que seu médico tem todas as informações de que precisa. Se você pensar em um detalhe que esqueceu de mencionar durante um compromisso, anote-o. Em seguida, ligue para seu médico ou enfermeira.

2. Fazer perguntas. Certifique-se de obter uma explicação clara sobre seus cuidados e perguntar sobre o tratamento, os resultados e quaisquer possíveis efeitos colaterais. Escreva o que você precisa saber sobre o tratamento. Não confie na sua memória. E lembre-se, é seu direito obter uma segunda opinião, se quiser.

3. Compartilhar qualquer histórico de alergias ou reações. Seu provedor precisa saber como você reagiu aos medicamentos ou tratamentos. Isso ajudará a garantir que você não receba um medicamento que possa prejudicá-lo.

4. Peça ao seu médico para escrever com clareza. Ele ou ela deve escrever claramente o nome e a finalidade de um medicamento prescrito, bem como as instruções para tomá-lo. Em seguida, certifique-se de que o farmacêutico lhe dá o medicamento correto.

Cuidado com seus medicamentos. Se você obtiver receita de medicamento:

1. Informe ao seu provedor quais medicamentos você toma. Isso inclui remédios e suplementos sem receita - a quantidade que você toma e quando os toma. Revise seus medicamentos pelo menos uma vez por ano com seu médico. Manter seus registros atualizados ajuda a prevenir interações perigosas.

2. Pergunte sobre medicamentos genéricos. Quando o medicamento genérico está disponível, ele pode custar muito menos.

3. Siga as instruções. Tomar muito ou pouco medicamento ou usar o errado é o erro médico mais comum.

Mantenha-se informado sobre os cuidados preventivos. Converse com seu médico sobre:

- Rastreios de câncer, doenças cardíacas, diabetes e outros problemas

- Imunizações para doenças

- Aconselhamento para questões de saúde mental

- Sua dieta e níveis de atividade

- Seu peso

- Gerenciamento de estresse

- Tabagismo ou abuso de substâncias

- Medidas que você pode tomar para prevenir doenças crônicas

Depende de você seguir as sugestões do seu médico. Continue fazendo perguntas até saber o que precisa fazer. Ser assertivo e agir como seu próprio defensor dos cuidados de saúde é a melhor forma de obter os melhores cuidados de saúde.